LISBOA MOTO SHOW e muito mais…

Depois de falhar os convites para o 1º dia do Lisboa Moto Show (LMS) e de irmos vendo dezenas de fotos nas redes sociais do que pela FIL se passava, no passado sábado lá conseguimos finalmente ir “matar” a curiosidade.

Para além do fim-de-semana ser convidativo, a verdade é que havia mais argumentos para nos fazer deslocar à Expo nesse dia e um deles era a mostra do CNTT organizado pela FMP. Uma dezena de UTV’s, motos e quads em plena Expo entre o MEO Arena e o Pavilhão de Portugal a demonstrar que temos sem sombra de dúvida um dos parques mais bonitos e “apetrechados” da Europa. Para alguns de nós que tiveram ligação directa muitos anos com o TT foi uma oportunidade de rever caras conhecidas e mostrar o nosso apreço e apoio a esta modalidade.

 Pedro Machado | PAMOTO

 Nuno “Mocho” Passos

Passagem pela Nauticampo…mas barcos não é muito a nossa onda (nem o nosso budget) portanto, seguimos caminho!

Entre as exposições presentes na FIL, havia também uma feira de Viagens e um Festival do Hamburguer, ambos com entradas livres, no entanto o nosso objectivo era efectivamente a Lisboa Moto Show.

Uma vez dentro dos pavilhões 2 e 3, eis que os nossos olhos procuram o que neste momento acaba por estar de certa forma em foco, as Cafe Racers, Boppers, Scramblers, Brats e estilos similares. Fossem novidade, ou já com provas dadas eram essas que queríamos mesmo por o rabo em cima e sentir a primeira impressão (em algumas marcas havia forma de se inscrever e agendar um test drive…não tivemos oportunidade para isso!). Com novidades na Yamaha e Ducati, a verdade é que o que nos ficou na retina e nos encheu as medidas foram mesmo a Triumph, BMW e Moto Guzzi!

Triumph, a confirmação de um estilo muito próprio, muitos modelos em diversas versões e níveis de equipamento, tudo muito ao estilo britânico, não há como não gostar!!!

A BMW, (vai parecer cliché) mas a T-Nine Scrambler deve ter sido das motos mais fotografadas do LMS!!! Mais uma vez, varias versões e níveis de equipamento, fazendo qualquer motard sonhar ter um destes exemplares na garagem.

Moto Guzzi, a surpresa! Se vê-las nas publicações já ficavam na retina, vê-las ao vivo, sentar e sentir a primeira impressão, deixou mesmo vontade de as testar…quem sabe um dia?! 

Mas nem tudo girava sobre as duas rodas, havia tuning auto, 4×4, acessórios e até barbeiro!!! Exacto, podia-se cortar o cabelo e aparar a barba em plena exposição.

Em jeito de conclusão, uma exposição que, a par dos projectos que temos neste momento em mãos com o restauro das duas BMW K100, nos deixou algumas directivas, ideias e noção de pormenores a ter em conta e colocar em prática! Um salão que ainda mexe com muito público apesar da exposição, aparte das grandes marcas ficar um pouco aquém, pois esperava-se um pouco mais de representação, tanto ao nivel de lojas como de preparadores e demais entidades ligadas ao mundo do motociclismo.

Fica a nossa galeria da Lisboa Moto Show para mais tarde recordar e para nos servir de inspiração e motivação ao trabalho que ainda temos pela frente!

Para último, a nossa nota 10 para o stand da REV e do Lisbon Motorcycle Film Fest que estava deveras bem decorado com algumas motos, verdadeiras obras de arte na transformação, que para além das motos “novas”, provam que a recuperação e transformação está em força e recomenda-se.

 

Marcos Leal | REV

Fomos só nós, ou mais alguém deu por falta da KTM e da Nexx???

2 thoughts on “LISBOA MOTO SHOW e muito mais…

  1. Infelizmente não pude estar presente, mas gostei do que vi.
    Fiquei com ideia que esta exposição era mais focado no conceito vintage, nas vossas fotos vejo algumas motas recentes, mas mesmo grande parte da decoração está muito focada para o vintage, estou enganado?
    A KTM não tem um foco nesses modelos, no entanto lançou recentemente um modelo bem interessante (modelos 1090 e 1290) no entanto modelos de Adventure fora dessa gama de retro vintage.
    Vocês têm numas fotos, uns capacetes Nexx, a marca não estava lá? Estando a marca a apostar nesta vertente é de estranhar não estar a expor os mais recentes produtos.
    Este post deixou-me uma questão no ar…”restauro das duas BMW K100″?
    Para quando um post das ideias e projectos e aplicar nessas motas? =)

    1. Boas Pitacho!

      Os NExx estavam lá, mas por intermédio de outros stands, não tinha representaçao oficial, (pelo menos não a vimos!!!) infelizmente.
      O post das K100 esta quase quase a “sair”.

      Abraço.

Comentários