BMW X2 – O Crossover desportivo

Apresentado internacionalmente no nosso país no passado mês de Fevereiro, tivemos agora oportunidade de experimentar o novo Crossover compacto da marca de Munique.

Ressalvando desde já que não somos especialistas em “avaliar”, sentimos necessidade de exprimir algumas considerações na óptica de “ordinary consumer”, que é basicamente o que somos!

O que fizemos acaba por estar à disposição de qualquer pessoa, uma vez que a maioria das marcas já disponibiliza sob marcação, a possibilidade de durante um ou mais dias efectuar o test-drive e sentir e tirar as suas conclusões relativamente à escolha e compra de carro ((in)felizmente, nós só fomos mesmo experimentar!).

Através da Caetano Baviera (Lisboa), foi-nos disponibilizado um BMW X2 xDrive 20d, na versão M Sport X, para o passado fim de semana, que infelizmente face às condições atmosféricas,  não nos foi possível registar a experiência da forma que gostávamos, mas aqui fica a nossa opinião.

LOOK, EQUIPAMENTO E ESPAÇO

O X2 distingue-se da restante família SUV da marca pelo look mais “agressivo” e desportivo (os faróis e o pormenor do logótipo no pilar traseiro lateral), sendo relativamente mais baixo (e também mais curto!) que o irmão X1, dando a sensação que na hierarquia de prioridades o potencial cliente deste modelo valoriza mais esse aspecto do que o factor espaço.

A versão que testámos, com o pack desportivo M Sport X, possivelmente também ajuda à festa, já que as vistosas jantes de 20 polegadas e pneus runflat por certo contribuem para embelezar o carácter desportivo que, por si só, já apresenta.

A nível de interiores, realça à vista a simplicidade de acessos a tudo o que disponibiliza, desde o tradicional e único comando central (iDrive), intuitivo e com possibilidade de escrita digital para pesquisa, GPS (navegação profissional), media pack,, entre outras funcionalidades, tudo funciona de forma intuitiva e simples por comandos manuais ou por comandos de voz.

Já não é propriamente uma novidade, mas a informação projectada no pára-brisas do condutor (head-up display) é no nosso entender uma tremenda mais-valia, não obrigando a procurar ou a desviar o nosso olhar do que realmente importa, a estrada!

Espaço…bem, se a escolha recai no mais desportivo da gama, verdade seja dita que 4 adultos viajam bem neste modelo…a 5ª pessoa adulta já complica, compensando com a generosa bagageira de 470 litros que visto por fora surpreende após a abertura (em modo eléctrico), que diga-se, dá um “jeitasso”! 

CONSUMOS

Fizemos aproximadamente duas centenas de quilómetros com o X2 e entre o uso urbano (foi o veículo que nos levou ao Hotel Ritz para o Enóphilo Wine Fest) e as voltas pelo campo perto da nossa base em Arruda dos Vinhos, o balanço foi de surpresa absoluta, e porquê? Tratando-se de um carro com 2.000cc de 190cv com tracção permanente e com muita vontade de explorar o binário e relações de caixa (tem 400Nm de binário e segundo os especialistas vai dos 0 aos 100 kms/h em 7,2 segundos) em variados locais, foi surpreendente constatar que o investimento foi deveras inferior ao expectável, muito graças também ao BMW Efficient Dynamics que seleccionado, faz uma gestão inteligente da performance e consequente redução de consumo.

VEREDICTO

Saudade! É este o sentimento que nos atingiu após devolver o X2. É engraçado que após voltarmos ao  nosso carro do dia a dia, procurámos pelos pormenores deliciosos do habitáculo, o binário ao arrancar, ou simplesmente o desfrutar de uma condução suave, eficiente e de reduzido consumo. Esta é a melhor forma de descrever este Crossover desportivo da marca alemã.

PRÓS

  • Quem procura um carro que consegue conjugar conforto, eficiência e ao mesmo tempo, um temperamento mais agressivo, tanto a nível de motor como de aparência, então o X2 é o carro de eleição.

CONTRAS

  • Preço. Aqui não há “milagres”, o que é bom paga-se e este X2, principalmente nesta versão desportiva M Sport X, não é para qualquer bolsa, mas quando o sonho comanda a vida…

Não podemos deixar de agradecer o convite para esta experiência à Caetano Baviera Lisboaao João Seixas, fazendo votos de em breve, podermos voltar a repeti-la. Obrigado!

 

One thought on “BMW X2 – O Crossover desportivo

  1. Confesso que não experimentei, mas já entrei num… e a sensação de claustrofobia que senti imediatamente só tem rival no “novo” mini. E olhem que conduzo um VW golf, logo não um camião espaçoso. Pilares gordos, tablier extra alto, vidros minimos e espelhos com visibilidade micro. Não posso dizer mal, mas posso afirmar que não sou o publico alvo desta viatura. Exteriormente é bonito, mas depois do que a mercedes trouxe para cima da mesa e o esforço que a audi agora começa a fazer… a BMW ainda tem muito que caminhar!!

    Ainda assim, bom ensaio, visto pelos olhos de um mortal comum!!! é sempre de valor!

Comentários

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.