Lisbon Motorcycle Film Fest (LxMFF)…provavelmente muitos já se cruzaram com cartazes, publicidade ou partilhas nas redes sociais sobre este festival, ou então não. E o que é o LxMFF?! Se falamos em festival, o sub-consciente da maioria idealiza de imediato um evento ao ar livre, palcos, bandas, muita bebida (porque ar livre, implica calor) e muita animação! Não podemos dizer que o LxMFF é um festival nesta essencial habitual que conhecemos e que caracteriza os festivais, mas sim um festival de curtas! Curtas metragens com um mesmo tema como pilar das várias produções presentes, as duas rodas! Este é um festival de curtas-metragens que se faz rodear de toda uma temática e intervenientes que caracterizam a cultura motard, sendo que não só de filmes se faz este festival, como iremos mostrar ao longo deste post (ar livre, música, convívio e muita animação também fizeram parte deste festival!!).

Pela primeira vez conseguimos estar presentes no LxMFF, no entanto o Festival dedicado à cultura motard e à paixão pelas motos realizou-se pela 3ª vez consecutiva.

Um dos teasers desta 3ª edição do Festival:

Fruto da persistência de um grupo de malta (20 estrelas diga-se!)  com quem temos tido o prazer de conviver nos últimos tempos, o Lisbon Motorcycle Film Festival tem crescido edição após edição, não só no que diz respeito ao cartaz como da própria adesão, sendo já um evento consagrado para todos os amantes das 2 rodas. Uma curiosidade, aos nossos olhos, foi o facto de nos parecer ser um evento transversal às varias subculturas/gostos motards, atendendo a que foi possível ver todo o tipo de motos (e motards) junto ao Cinema S. Jorge, numa clara demonstração que é possível unir tod@s em prol de uma mesma paixão, as motos.

PRESS JAM

Tivemos o privilégio de poder assistir ao Press Jam na manhã de Sábado no Hotel Marriot onde os intervenientes dos filmes, The World’s Slowest Harley, Motorrad, Sugar & Spade entre outros, falaram à imprensa presente sobre os seus filmes, sobre Lisboa e o feedback do Festival em si.

            

DIAPORAMA

Privilégio também, o de poder assistir, antes do público em geral,  na Sala 2, ao diaporama de 10 fotógrafos convidados que, desta forma original, expuseram os seus registos fotográficos (e que registos!) sobre o tema central – motos, demonstrando que a fotografia também tem espaço neste Festival.

MOTOTALKS

Sob a moderação do Vitor Sousa, tivemos oportunidade novamente de ouvir os principais responsáveis pelos títulos cabeças de cartaz do Festival, desta vez com sala cheia e posteriormente um segundo debate sobre o tema “Mobilidade Eléctrica sobre 2 rodas”.

ESPAÇO E AMBIENTE

Muito mais há para comentar e mostrar…dos expositores de marcas aos trabalhos de alguns preparadores de motas, passando pelos bares e até mesmo o fantástico trabalho de alguns artistas presentes como foi o caso do Nuno Draws, que não só brindou os presentes nesta edição do LxMFF com um depósito costumizado com o tema Paris-Dakar, como ao longo do evento foi mostrando a sua arte com a customização de capacetes. Mas mais do que palavras, ficam os registos de todos estes espaços, momentos e intervenientes…

Fica o sabor a pouco, já que não tivemos por motivos pessoais forma de estar presente nos 3 dias de Festival, perdendo os concertos, os after party’s e principalmente o Night Ride (aqui ainda por culpa de não temos as máquinas prontas!) ficando o compromisso de, para a próxima edição, reservar tempo para disfrutar de todo o programa que o LxMFF tem para oferecer aos amantes de duas rodas e à cultura adjacente às mesmas.

Vêmo-nos por aí…boas curvas!

Written by the B blog
.